Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘emagrecimento’

Amanhã, dia 30 de setembro, é Dia Mundial do Coração.

As doenças cardiovasculares estão entre as principais causas de morte no Brasil e no mundo. Má alimentação, sedentarismo, ingestão de bebidas alcoólicas, obesidade, hipertensão arterial, colesterol elevado e diabetes estão entre os principais fatores de risco.

A prática de atividades físicas colabora para a saúde do coração

A prática de atividades físicas colabora para a saúde do coração

Algumas dicas fundamentais para a saúde do coração: alimentação balanceada rica em fibras, antioxidantes, gorduras insaturadas; baixo teor de sódio, gorduras trans e saturadas e aditivos químicos; prática de atividades físicas; combate ao estresse e ao tabagismo.

Conheça alguns alimentos que devem ser incluídos no seu cardápio para o bem do seu coração:

  • Aveia: é um cereal integral, fonte de betaglucana, uma fibra que retarda a absorção de carboidratos e gorduras.
  • Óleo e semente de linhaça (ômega 3), óleo de peixe, de oliva extravirgem: fontes de gorduras monoinsaturadas.
  • Chás Verde e Branco: os antioxidantes desses chás auxiliam no combate aos radicais livres.
  • Suco de Uva Integral Orgânico: fonte de resveratrol o que torna este suco um poderoso antioxidante.
  • Alho: fonte de aliina e alicina, vasodilatadores.
  • Oleaginosas: contém substâncias antioxidantes e gorduras insaturadas. São elas: amêndoas, avelãs, amendoim, castanha de caju, castanha do Brasil, nozes e pistache.
  • Chocolate Amargo (70% cacau): Fonte de polifenóis.
  • Soja: A soja e seus derivados são fonte de isoflavonas e proteínas de alto valor biológico.
  • Óleo de coco extravirgem: contém ácido láurico, ácido caprílico e triglicerídeos de cadeia média (TCM). Possui ação antioxidante. É considerado um óleo estável quando submetido ao aquecimento, daí ser um ótimo substituto da manteiga e outros óleos como ingredientes das preparações.
  • Sal light: possui teor reduzido de sódio.

Fique ligado no Blog porque divulgaremos algumas receitas benéficas para o coração elaboradas pelas nutricionistas da Rede Mundo Verde.

Cuide da saúde do seu coração!

Cuide da saúde do seu coração!

Uma dica indispensável é para que você consulte seu médico e nutricionista periodicamente. O controle do peso já representa um grande passo para evitar os fatores de risco que prejudicam o funcionamento desta máquina poderosa.

Anúncios

Read Full Post »

A Agência FAPESP – da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo –  publicou em maio um artigo que fala sobre o problema do excesso de consumo de alimentos (leia o artigo na íntegra aqui). O texto destaca os resultados de um estudo realizado nos Estados Unidos, no qual foi constatado que o consumo excessivo de alimentos contribui tanto para a epidemia da obesidade quanto o sedentarismo.

Cuidados com o peso são sinônimo de bem-estar

Cuidados com o peso são sinônimo de bem-estar

Já falamos em diversos posts sobre como a preocupação com a alimentação deve ter como palavra-chave o equilíbrio. Comer de menos faz tão mal à saúde quanto comer demais. E ingerir alimentos demais não colabora para o bom funcionamento do organismo.

O Mundo Verde está sempre fornecendo dicas de consumo e receitas para uma alimentação saudável, mas mais do que saber o que comer, é importante saber quanto comer. Quando se trata de nutrição, todas as variáveis devem ser levadas em consideração: até o local onde você se alimenta pode influenciar a digestão e a absorção dos nutrientes.

Já ouviu falar em Slow Food?

Junto com a necessidade de consumir alimentos mais nutritivos e se alimentar na quantidade ideal para seu organismo, surge o cuidado com a qualidade e a procedência dos alimentos que consumimos. Todos sabem que a nutrição é um ato involuntário – precisamos nos alimentar para sobreviver – mas as escolhas dos nossos cardápios devem ser pensadas de acordo com nossas necessidades e buscando sempre o equilíbrio e a saúde.

slow-food-salada-210108

O movimento Slow Food foi fundado por Carlo Petrini na Itália, na década de 1980 e atualmente está espalhado por todo o planeta. Seus princípios envolvem a luta pelo prazer da alimentação e pela preferência aos alimentos artesanais, produzidos de forma sustentável e respeitando o meio ambiente e as pessoas envolvidas no processo de produção.

slowfoodmenor

Em meio à epidemia da obesidade e com os riscos da má alimentação, o slow food é o movimento absolutamente contrário ao fast food, e incentiva seus adeptos a preservarem os momentos de alimentação em família, consumindo produtos orgânicos em quantidades ideais para o bom funcionamento do organismo.

Adequar sua dieta aos princípios do slow food pode ser uma boa maneira de iniciar uma mudança de vida que pode trazer muitos benefícios, mais disposição e uma saúde de ferro.

Se você é adepto do Movimento Slow Food, conte pra gente! Tem alguma receita especial? Envie para blog@mundoverde.com.br e compartilhe sua receita com os demais leitores do Blog Mundo Verde!

Read Full Post »

Na última sexta-feira, 14 de agosto, o programa Globo Repórter da Rede Globo, falou sobre os benefícios da linhaça para emagrecer com saúde (veja a matéria aqui).

O assunto aumentou consideravelmente a procura pelo produto e trouxe uma série de questões que achamos relevantes sobre o consumo deste grão que traz tantos benefícios e ajuda a equilibrar o funcionamento do organismo.

Linhaça dourado ou marrom, qual a melhor opção de consumo?

Linhaça dourado ou marrom, qual a melhor opção de consumo?

Já falamos da linhaça em outros posts, mas vamos aproveitar para retomar o tema com um material desenvolvido especialmente sobre o assunto pela nutricionista da Rede Mundo Verde Flávia Morais. Confiram:

Quais os benefícios do consumo da linhaça?

A linhaça é considerada um alimento funcional por ser fonte de ômega 3, fibras e lignana. Estudos comprovam seus efeitos no controle e prevenção de risco de doenças cardiovasculares. Atua na diminuição dos sintomas de TPM e as fibras auxiliam no controle de peso e regularização do intestino.

Ela realmente ajuda na prevenção e combate de diversas patologias?

Sim. Estudos comprovam os efeitos benéficos do consumo regular de linhaça.

O ômega 3 é uma gordura insaturada, aliada a saúde do coração. Estudos mostram que o consumo de linhaça reduz o colesterol total e o LDL colesterol e a pressão arterial confirmando seu efeito cardioprotetor. Tem efeito antiinflamatório, podendo ser usado no tratamento de artrite e dermatite. Sua ação antioxidante o faz potente contra a formação de placas de ateroma, além de reforçar o sistema imunológico.

Coadjuvante no tratamento da depressão, melhora as funções mentais de idosos e de pessoas com problemas de conduta (esquizofrenia). Estudos demonstram que o ômega 3 presente na linhaça atua na prevenção de demência e mal de Alzheimer.

A lignana atua no combate a sintomas de TPM e também protege contra câncer de mama e próstata.

Estudos com mulheres mostram o papel da linhaça na manutenção da saúde óssea e também seu efeito na redução de risco de câncer hormônio dependente. Auxiliam no combate a sintomas da TPM e menopausa e a prevenir o surgimento de câncer de mama, principalmente se combinadas as isoflavonas da soja.

As fibras da linhaça auxiliam na perda de peso, pois absorvem água, formam um gel que retarda o esvaziamento do estomago aumentando a saciedade, esse gel aumenta o volume do bolo fecal, regulariza o funcionamento do intestino e previnem o câncer coloretal e ainda auxilia no controle das taxas de glicose sanguíneas, diminuindo o risco de diabetes.

Existe algum tipo de diferença entre a linhaça marrom e a dourada?

A linhaça marrom, nativa da região mediterrânea, já está adaptada ao solo brasileiro, e ao clima quente e úmido. Apresenta casca uma pouco mais dura e resistente, o que pode diminuir a biodisponibilidade dos seus nutrientes.

A linhaça dourada cresce em climas frios. Geralmente é importada do Canadá. Tem a casca mais fina e seu sabor é mais suave do que o da linhaça marrom.

Estudos já demonstram que não existe diferença significativa na atividade antioxidante e quantidade de nutrientes nos dois tipos de linhaça. Os dois tipos tem teores similares de omega 3.

Qual a ingestão diária recomendada? Qual a forma ideal para consumi-la?

Normalmente 3 colheres de sobremesa/dia. A linhaça pode ser acrescentada em frutas, iogurtes, saladas, sucos, vitaminas, sopas e em preparações como bolos, tortas e massas de pães. Também pode substituir o óleo ou gordura utilizada em uma receita.

Os benefícios da linhaça são observados quando ela é consumida triturada, já que a mesma passa sem sofrer digestão no trato gastrointestinal porque sua casca é resistente à ação do suco gástrico. Um modo fácil de quebrar as sementes é passá-las em um liquidificador na tecla pulsar, para que não vire pó. Guardar em pote bem fechado no refrigerador, e ao abrigo da luz por até 3 dias. Também pode ser utilizada no último cozimento do feijão ou sopa.

produtos_e3mkt

A linhaça pode ser encontrada nas seguintes formas:

– Semente: grão intacto, fonte de ômegas 3 e 6, lignanas e fibras. Para que estes nutrientes possam ser absorvidos deve ser triturada ou moída. Lembrando que os ômegas se oxidam facilmente, então depois de triturada a linhaça deve ser guardada em pote bem fechado, opaco e sob refrigeração por até 3 dias.
A semente também pode ser germinada e adicionada a sucos verdes.

– Farinha: é obtida através dos grãos de linhaça torrados e moídos. Boa fonte de fibras, mas como a maioria é parcialmente desengordurada, tem menor teor de ômegas 3, 6 (gorduras) e de lignanas se comparada a semente inteira.

– Óleo: é extraído da prensa das sementes de linhaça, rico em ômega-3. Fonte ainda de omega 6 e omega 9. Prefira os 100% integrais e naturais, obtidos por uma única prensagem a frio, sem aditivos ou solventes. A exposição ao calor, à luz e ao oxigênio provoca oxidação dos óleos, por isso é importante escolher os não refinados embalados em garrafas à prova de luz (opacas).

Cápsulas: uma forma de suplementar a dieta com ômega 3. O óleo de linhaça é encapsulado, tornando mais prática sua administração. Como qualquer alimento encapsulado, precisa de registro no Ministério da Saúde que garanta sua qualidade.

A linhaça ainda pode ser encontrada na composição de barras de cereais, biscoitos, bolos, granolas.

Estudos demonstram que não existe diferença significativa na quantidade de nutrientes entre os dois tipos de linhaça.

Estudos demonstram que não existe diferença significativa na quantidade de nutrientes entre os dois tipos de linhaça.

Caso tenha mais dúvidas sobre o consumo de linhaça e seus benefícios ligue para o Alô Nutricionista, telefone 0800-022 25 28 ou entre em contato pelo e-mail alonutricionista@mundoverde.com.br.

Você também pode deixar comentários com suas questões! Quem sabe uma de suas dúvidas não vira assunto de um post? Além disso, se você souber uma receita especial que leve linhaça, mande pra gente para que possa ser publicada aqui no Blog!

Read Full Post »

Complementando o post sobre alimentação saudável para o emagrecimento, segue uma receita de suco de frutas que contém nutrientes importantes para o bom funcionamento do organismo, além de ser uma opção para acompanhar lanches leves entre as refeições.

Dê preferência aos sucos naturais de frutas orgânicas

Dê preferência aos sucos naturais de frutas orgânicas

É rápido e fácil!

Ingredientes

  • 1 maçã
  • 1 banana
  • 1 colher de sopa de abacate
  • 1 pedaço de batata yacon
  • 1 colher de sobremesa de sementes de linhaça
  • 300 ml de água mineral

Preparo

  • Bater todos os ingredientes no liquidificador.
  • Servir em um copo longo com pedras de gelo.

É só saborear e depois deixar um comentário sobre o que vocês acharam do suco verde!

Boa quarta-feira a todos!

Read Full Post »

Inspirada no Dia das Mães, a nutricionista da rede Mundo Verde, Flávia Morais, desenvolveu um artigo muito interessante sobre a importância da alimentação correta para o público feminino, especialmente em questões como o emagrecimento, manutenção do peso ideal e auto-estima.

Brigar com a balança não faz bem à saúde

Brigar com a balança não faz bem à saúde

Confira:

A maioria das mulheres, independente de idade ou classe social, está insatisfeita com o próprio corpo. Grande parte se acha acima do peso, devido aos padrões de beleza impostos, e está disposta a arriscar a saúde com dietas da moda.

Emagrecer deve ser uma questão definitiva, resolvida com reeducação alimentar e não com dietas drásticas e restritivas, que não serão seguidas por muito tempo.

Avaliar os hábitos alimentares e entender as escolhas erradas é o primeiro passo para uma dieta saudável. Devemos seguir uma alimentação equilibrada, natural, fácil de fazer, livre de alérgenos e adequada ao nosso estilo de vida.

As mudanças iniciais devem ser comportamentais: devemos comer em lugares calmos e não na frente da televisão ou respondendo emails; a mastigação é muito importante, é a primeira etapa da digestão; o consumo de líquidos durante a refeição deve ser desestimulado, pois também prejudica o processo de digestão dos alimentos

Flávia Morais – Nutricionista da rede Mundo Verde

CRN4: 2001100385

Flávia também preparou algumas dicas importantes que podem ajudar na adequação ao novo estilo de vida de quem pretende emagrecer de maneira saudável e duradoura:

  •  Aumente o número e diminua o volume das refeições, ou seja, faça de 5 a 6 refeições diárias porém diminua a quantidade de alimentos.
  •  Inclua pequenos lanches entre as principais refeições.
  •  Não pule refeições, principalmente o café da manhã.
  •  Aumente o consumo de frutas, verduras e legumes, de preferência orgânicos.legumes e verduras menor
  • Inicie suas refeições pelas saladas. Folhas verdes, couve, couve flor e brócolis além de fibras são também fontes de nutrientes importantes.
  • Substitua os alimentos refinados, pobres em nutrientes e em fibras, pelos alimentos integrais: arroz integral, quinua, trigo sarraceno. Se você não for sensível ao glúten, o trigo integral e a aveia também são boas opções.
  • Inclua no hábito alimentar gorduras boas, insaturadas. Óleo de linhaça, óleo de gergelim, de macadâmia e azeite de oliva extra virgem. Os óleo podem ser usados para temperar saladas e ainda como substitutos de manteiga ou margarina em pães e torradas.
  • As oleaginosas, como castanha do Brasil e amêndoas, as sementes de abóbora e girassol além das frutas secas como uva passa e banana passa são boas alternativas para pequenos lanches entre as refeições. São saborosas, nutritivas e matam a fome.frutas secas menor
  • Produtos diet e light são bem vindos em ocasiões especiais, mas, por serem industrializados, não devem substituir os produtos naturais.  
  • Diminua a quantidade se sal, evite os alimentos industrializados, os embutidos e o excesso de carnes, que podem causar retenção de líquidos e inchaço. Alimentos ricos em cafeína e álcool também devem ser evitados.
  • Pratique uma atividade física com a orientação de um profissional de educação física. Escolha uma atividade que seja prazerosa, assim será mais fácil cumprir o treinamento proposto. A prática regular de atividade física melhora a disposição aumenta a auto-estima, diminui o stress e cria a sensação de bem estar.

Deixem seu comentário e se tiverem perguntas e dúvidas, podem encaminhar à Flávia pelo Alô Nutricionista!

Read Full Post »